Amigos...!

57 comentários
 

Há, no universo virtual, um submundo que é um vasto campo para exploração e análise...

Ao adentrar o virtul mundo dos blogs, me ví em terreno desconhecido. Buscava, na minha pouca experiência com o mundo virtual, informática e toda essa parafernália tecnológica, um espaço onde pudesse dar vazão aos sentimentos que atropelavam meus pensamentos. Aos poucos fui me situando, me antenando, me posicionando, em informando e de de tanto gerundiar, me ví no olho do furacão...rs

Aos poucos, fui recebendo e conhecendo pessoas que hoje são imprecindíveis no meu dia a dia... Ao abrir meu blog, procuro por elas...Pessoas que se tonaram amigas, campanheiras, que acampanham cada post meu, que me incentivam, elogiam, quando eu mesma olho o que escrevi e acho que ficou uma droga! Tem pessoas novas, que aparecem como anjos e deixam luz por onde passam... Amigos novos surgem a cada post novo... E nada é mais delicioso, e hoje sei o valor de cada comentário, que encontrar pessoinhas que surgem desse buraco negro, chamado internet, e que tomam forma, nome, e passam a existir de forma gigantesca em minha vida.

Também tenho o carinho de saber o que acontece com cada amigo, missão as vezes impossível, pois a vida real nos toma uma tempo absurdo...rsrsrs E quando chegamos aqui, já estamos com o tempo esgotado...

Mas todo esse blá, blá, é para chegar em um ponto crucial... Até que ponto estamos inteiros aqui? Até que ponto essa máquina está nos enganando? Vivemos, a falsa ilusão de monte de amigos, e na realidade está cada um sozinho, em sua casa, seu escritório, seu quarto...Alguns, em uma cama, doente, outros com problemas, outros chorando, outos deprimidos, alguns desiludidos... Quem é vc que está me lendo agora? Quem sou eu, que estou aqui escrevendo para vc agora?

Quem somos nós, nessa louca ciranda cibernética? Que falsa ilusão... A quem estamos querendo enganar? Será que nossa capacidade de percepção está sendo afetada por essa máquina?

Olhamos nossa caixa de comentário, tem lá 20, 30 40, ou mais cometários. Cada um mais lindo que o outro. Mensagens que vem impregnadas de amor... Mas quão ilusório é tudo isso? Quando estamos aqui, o mundo parece perfeito... Num passe de mágica, somos transportados por mundos vários... Mas a realidade está aqui! A realidade está aí com vc! Eu sofro daqui, vc sofre daí, e fingimos que está tudo bem!

Será que é só isso? Será que não existe nada além da curva?



PS: Amigos, talves amanhã eu saiba as respostas...Hoje só tenho perguntas...


PS2: Esse texto está engasgado desde ontem, quando conversei com uma pessoa amiga e querida, que está passando por momentos díficeis. É um blogueiro amigo, que eu amo de paixão! E é para ele, todas essas minhas dúvidas sobre esse mundo virtual.
PS3: Faltou a explicação de que é um amigo que eu amo de paixão! Não se trata de uma paixão virtual... É uma linda amizade virtual!



57 Comentaram...

  1. Olha amiga, quanto ao seu texto acredito no seguinte...
    pra alguns isso aqui é só uma utopia...
    e tem gente que não se importa realmente
    enquanto que por outro lado encontramos pessoas com as quais nos envolvemos mais, através de msn por exemplo, compartilhando falas, emails e com o tempo nos mostrando auqi e ali até que um dia por completo...
    eu mesma já estive doente da alma, quando minha filha saiu de casa e quis ir morar com o pai, embora muito nova ela tinha uma hidolatria que eu não entendia...
    enfim aqui pela net conheci pessoas que me ouviram,que me fizeram companhia que me conquistaram...
    Então é isso
    cada caso é um caso...
    Boa semana pra vc
    Beijos na alma!

  2. Olavo says:

    Dificil responder suas perguntas..
    pq cada um tem sua verdade...mas posso responder por mim..
    Encontrei aqui pessoas que nem imagino quem sejam..com todos os problemas citados por vc...
    Fiz amizades boas e algumas ruins..tentei sempre dar o melhor de mim com palavras de amizade porque não me importo quem ouve e sim que ouça o que precisa..
    Jamais fui grosseiro mas mesmo assim algumas vezes fui taxado de "paquerador"conquistador e etc
    e nada disso jamais foi meu objetivo ..somente postar..visitar blogs amigos e comentar..
    Me decepcionei e muito e ainda me decepciono..
    Mas tive a grata satisfação de encontrar pessoas maravilhosas e isso foi a maioria..
    Pessoas assim como vc que dedicam amizade de coração aberto..
    Obrigado pelas palavras minha amiga e sabe que pode contar comigo sempre..
    Beijos

    Ps.:Estou "ótimo" rs amanha estou em casa..

  3. Minha LInda...
    Todos os questionamentos feitos por ti existem,mas posso te afirmar uma coisa.
    Existem sim,pessoas atras desta telinha que se preocupam,que nos fazem bem,outras que apenas passam deixando um rastro ilusiorio.
    Tenho amigos virtuais,que se tornaram reais,como disse o meu querido amigo Olavo e o que vale é aquele que nos marca a alma,como um raio de Sol aquecendo-nos nos dias frios.
    Enfim,a palavra é amizade: e não a situação como acontece,pode ser na rua,na escola,num chat,num blog,usando nosso sentir saberemos se é válida ou não.
    Vamos acertar,errar,mas vamos que vamos.
    Ahh e quem sabe,transcender o virtual? Fica ai a dica...
    Olavinho,que bom,pela noticia.
    Beijocas linda menina
    Beijos da Nega

  4. Tatiana says:

    Eu entendo perfeitamente as suas perguntas.
    Muitas vezes também fiz as mesmas indagações para mim.
    Parece que estamos nos dando conta de que aqui nesse mundo virtual que nos aproxima de tantas pessoas, nos faz por alguns momentos nos sentir tão só...pois só palavras muitas vezes não basta...
    Nós duas mesmo...vivemos numa mesma cidade e apenas nos conhecemos através de palavras do blog.
    Aqui nesse mundo virtual... vamos trocando palavras, experiências, carinhos...Mas muitas vezes o que precisamos é de um toque real... um olho no olho, que nos faça sentir realmente vivos.
    Alguém que nos acolha e mostre: Olha...sou real!

    Um beijo carinhoso de alguém que é real e te admira.

  5. Bom dia querida!!
    Entendo perfeitamente cada palavriha que este seu texto escreveu.
    Esse mundinho "Virtual" é muito complicado.
    Há pessoas do bem que entram e independente do que passem em sua vida real sempre estao por perto e nos emocionam com sua amizade mesmo que distante ... mais verdadeira.
    Posso dizer isso porque na net encontrei um grande amigo no virtual que hoje faz parte da minha vida como um irmao Real.
    Por outro lado ja tive inumeras pessoas que passaram na minha vida, que criaram papeis e personagens nesse mundinho virtual e quando se conhecia no real voce percebia que era somente máscaras.
    O mundo virtual... Seje em blogs, Orkut,msn são como facas de dois gumes...
    Tanto podem ser coisas positivas , como coisas negativas.
    Sim já me aconteceram coisas negativas, mais tambme me aconteceram coisas boas, como ter encontrado um amigo-irmao pela net e um namorado lindo e sincero por ela tambem.
    Questionamentos passam sempre em nossas mentes com relação a Net.
    Mais é so vivendo mesmo é que vamos alcançando nossas proprias respostas.
    A Net Assim como á vida é imprevisivel..

    Beijos Linda

  6. É verdade amiga, o mais importante é ter a consciência de que uma convivência é que realmente delimita o quanto somos humanos, e portanto, imperfeitos, cheios de erros e acertos e não as vezes tão perfeitos como aqui as vezes parecemos...rsrs
    Mas uma coisa é certa, somos pessoas, e gente como todo mundo, iguais e ao mesmo tempo muito diferentes, cada um com suas manias, com seus problemas, com suas esperanças e medos, com suas alegrias e tristezas...com suas vivência e até mesmo inocências...portanto apesar de virtuais, super humanos...rsrs
    Um abraço na alma...boa semana...acho que muitos se fazem esta mesma pergunta, pois não há nada como o olho no olho...o dia a dia...com a ua total realidade...acho que é isso...este assunto é polêmico, por isso interessante...valeuuu

  7. Pelos comentários que antecede ao meu, vejo que vai ter muita leitura, menina!!! (risos). Menina linda posso responder por mim. Sei que estamos mergulhados em um mundo de incertezas, relatividade, essa é a palavra. Mas em meu referencial esse sou EU. Tudo que ler em minhas postagens são minhas impressões de mundo, do amor, do nada. Apenas escrevo, com saudade, com amor, com tristeza e alegrias. Tb como vc, conheci muita gente imprescindível na minha vida, pena que não posso tocá-las. Vê-las. Ouví-las. Algumas são falsas, essas nunca se mostrarão, outras são livros abertos, sabemos tudo delas, mas não sabemos até onde vem o sonho e a relaidade. Algumas são sismplesmente amor outras nem me diga. MAs é assim. Queria eu poder reunir todoas essas pessoas em um grande encontro. Que bacana. Veremos os olhos, os sorrisos dessas pessoas. Nos decepcionaremeos com alguns e amaremos outros. Muito bom seria esse congresso. É triste aqui as vezes sozinho, sem o calor humano. Mas esse toque imaginário faz muita gente feliz. isso é bom.

    Bjos com carinho menina AVASSALADORA!!!!!

  8. Ric says:

    Eu procuro não pensar nessas questões. Simplesmente curto a internet e pronto. E a vida vai seguindo... real e virtual.

    Beijos.

  9. Francisco says:

    Havendo sinceridade, amizade e em alguns casos, cumplicidade, não vejo diferenças entre os amigos reais e virtuais.
    Tenho a certeza que o teu texto já esteve na cabeça de vários blogueiros.
    Um beijão enorme!

  10. Cá, says:

    Eu encontrei em vc, uma amiga!


    PONTO!


    =]

  11. Boa tarde desanimada amiga Avassaladora.

    Você é a amiga que apareceu na hora
    certa e mesmo que fosse somente por
    alguns instantes já cumpriu uma determinação imutável... Ser minha amiga.

    Indagações...

    Por onde seus pés levam seu corpo
    Por onde vagueiam seus suaves pensamentos
    Por quais alamedas passeiam seus passos
    Por quais caminhos encontro seu coração
    Em qual encruzilhada nos perdemos
    Em qual momento romperam-se nossos laços
    Quando deixamos de ter sintonia
    Quando se quebrou o primeiro elo de nossa corrente
    Por que desistimos de nos querermos
    Por que eternizar os sonhos
    Se o que queremos mesmo é a realidade.

    (Candinho Anjo)

    Beijos.

  12. Blue says:

    "...e fingimos que está tudo bem!
    Será que é só isso? Será que não existe nada além da curva?..."

    É verdade. Podemos estar nos escondendo ou estar mesmo enganando-se a si mesmo! Mundo virtual, nundo gostoso, mas também pode ser perigoso. Adorei seu texto. Apenas posso responder por mim: vale o que escrevo, pois sou sincero. Beijos Menina Avassaladora!

  13. Querida, te digo de coração, esse texto é uma boa reflexão para todos nós, para mim com certeza.

    Sempre me questionei muitos sobre isso, porque já falhei com alguns, e alguns comigo, mostrando nada mais, nada menos o nosso verdadeiro eu.

    Quando nos propomos a conhecer os virtuais e nos tornamos reais, vemos o quanto o virtual é recheado de nossas fantasias e projeções.

    Gostei demais.

    abraços

  14. C. says:

    Nao tive como ´escapar` da mundo virtual pq escolhi uma profissão na área. Talvez isso nao tenha a ver pq muitos na área nao se interessam por blog como eu, e nem muitos menos em fazer amizades, apenas trabalhar.
    Sempre brinco com esses amigos que poderíamos fazer um software para saber com que tipo de amigos nos envolvemos no mundo virtual, e assim ficaria mais fácil ligar-desligar quando bem entendessemos. Ilusão, até máquinas dao pane!
    A lógica e a sensatez devem estar presentes sempre, e se tivermos que fazer um upgrade que seja sem excluir nenhum dado.
    Adorei o texto, reflexivo e que vale a pena ler e reler, mas nao encucar.

  15. Avassaladora,

    Interessante o seu texto,as questões que você coloca.Ainda não havia pensado em vários desses aspectos que você levanta aqui,até mesmo porque não me vejo como um internauta frequente nem mesmo um blogueiro de fato.
    Passeio nos blogues interessado nas leituras,sem pensar nelas como autobiográficas,e tenho encontrado coisas interessantes,que me tocam e me fazem comentar sobre elas.E quando me dirijo ao autor,faço como se o estivesse cumprimentando,com um aperto de mão e um sorriso e a mesma educação que dedico às pessoas no meu dia-a-dia.
    Sinto que já conheço muitas pessoas boas por aqui,como você,por exemplo e não me preocupo com as falsas ilusões.
    Vou imaginar que a sinseridade pode prevalecer,seja em que espaço for.
    Que o seu amigo blogueiro consiga superar os seus momentos difíceis.

    Que você continue nos encantando com as suas doces e avassaladoras palavras.
    Beijos carinhosos.

  16. neide says:

    Minha querida, essas e outras perguntas tb já me fiz por diversas vezes, mas uma coisa sei, aqui encontrei amigos, virtuais é verdade, mas que me fazem um bem enorme, cada comentário é um bálsamo pra mim, não sou de ficar triste,mas me alegro a cada comentário bom ou não tão bom,rsrsr. E me preocupo quando percebo uma postagem triste de alguém, mesmo sabendo que as vezes postamos algo que não tem nada a ver com nosso momento, essa "preocupação, esse cuidado" me aqueci. Tem pessoas doentes que estão em minhas orações e procuro saber como estão, tenho alguns no meu msn e adoro todos, numa relação de amizade e respeito. Quem sabe um dia trocamos msn também? Ia adorar conversar contigo por lá...
    Olha, sinto por seu amigo, ou nosso amigo, quem sabe? Espero que tudo se resolva da melhor maneira possível.

    Bjss

  17. Olá querida Avassaladora!

    Sempre que venho aqui me surpreendo com seus textos, sempre sinceros e cheios de profundidade.
    Quero te dizer que as vezes também tenho essa mesma sensação.

    Mas, o mais importante de tudo isso, é o fato de nos sentirmos acolhidas por essas pessoas que sempre dispõem de tempo para nós, nos lendo e nos comentando... não há como não considerarmos amigos, mesmo que virtuais, mas é amigo!

    E quem é blogueiro sabe da importância de uma postagem, sabemos que ali estão despejados nossos sentimentos atuais... embora descritos de forma poeticas, mas quase sempre é o que estamos sentindo no momento, e essa percepção é de fundamental importância.

    Adoro te ter como amiga e sempre me sinto a vontade aqui.

    ADOREI SABER O QUE ESTÁ SENTINDO AGORA rsrsrs

    Um grande beijo!!

  18. Lara says:

    Nossa, quantas perguntas.
    Também penso nisso, mas acho que a internet é feita para isso mesmo, para nos comunicar, uma bela forma de não nos sentirmos sozinhos.
    Gosto muito de internet, mas dou muito mais valor a vida de verdade, por fora da tela, aos amigos que podem me abraçar. Não que eu não dê valor aos meus amigos de internet, mas ainda não me conformo com o fato de conversar com uma pessoa que não sei se um dia vou ver pessoalmente na vida.
    Gostei do post.
    beijoos

  19. A ilusão é profícua em nosso mundo, ilusão essa que é real, que nos faz bem, que nos traz enlevo.

  20. O mundo virtual é uma amostra do mundo real, em ambos os mundos podemos questionar até onde vai uma amizade sincera. Na vida real, também as pessoas perguntam como vamos, mas sabemos que na maior parte das vezes, convencionou-se a fazer isso, é um hábito, não um interesse verdadeiro. Mundo virtual, apesar das suas ilusões, ainda é um bom meio para fazer amigos, devido a sua abstração, poder-se-ia dizer que é aqui que conhecemos as pessoas pelo seu avesso. Haverá amigos verdadeiros e amigos convencionais....
    Parabéns pelo seu texto, e sinceramente desejo, que seu amigo supere as dificuldades que vem passando.
    Um abraço
    Eduardo Poisl

  21. Olá minha querida!

    Eu vou ser franco com você, na minha vida real ou virtual eu não me preocupo com retorno, reciprocidade de sentimentos etc.
    Acredito que somos como o dial do rádio, a gente sintoniza a estação e ouve a música que faz bem a nossa alma.
    Tanto no mundo real, ou virtual, somente permanecem em nossa vida as pessoas que estão sintonizadas na mesma frequência. A passagem de um mundo para o outro depende também da intensidade desta afinidade. Se ela for maior do que os megabites que nos separam fatalmente seremos arrastados ao encontro daquilo que nos seduz.
    Bjs e sucesso!

    Bem aventurados os que
    propagam a verdade,
    pois, aqueles que vivem
    em mentira serão desmascarados
    e aprisionados no abismo da vaidade.

    © Valter Montani

  22. Vai saber... É uma ilusão e não é. è um encontro e uma fuga.

    Mas acima de tudo é um espaço para cordialidades, elogios. Tentei esperar e propor comentários não só elogiosos, mas percebi que este não é o espaço da revisão do que se escreve.

    Fazer observações não elogiosas sobre o texto de alguém pode significar perda de contato.

    Mas, apesar de tudo, os blogs possibilitam encontros. É só saber o que se pode esperar destes encontros. Talvez. Ainda não tenho certezas.


    Um beijo.

  23. Olavo says:

    Tem selos e memes (se quiser fazer) lá no blog
    Para você..
    Abraço

  24. As perguntas são o caminho para as respostas, ainda que muitas delas nos escapem.
    O que me importa é mais o sentir. E sei que seria ideal se estivéssemos todos a conversar numa praça, podermos nos abraçar e olhar nos uns dos outros.
    Mas como não podemos, nos entregamos em palavras, ainda que elas não digam tudo.
    Mas cada vocábulo é um pedacinho de alma que deixamos para os outros e para nós mesmos!

    Beijos e borboleteios

  25. Essa sensação de "o que estou fazendo aqui" até hj nos persegue... mas com o tempo nos situamos e encontramos o nosso caminho!
    Adoramos o seu blog, gostaríamos que vc visitasse um de nossos espaços.
    www.olhosdanatureza.blogspot.com/

  26. Refletindo no poste,
    na realidade já acompanho os blogs, desde o tempo q não tinha um, criei com a intenção de apenas arquivar minha história, mas com o tempo vc vai se apaixonando pelos donos do Blog, de uma forma q vc tem q visita-los nem q seja no último minuto do dia, pois esta vida realmente nos toma o tempo. Não sei o q irá acontecer conosco amanhã, mas a única certeza q tenho é q não me arrependo d entrar neste mundo virtual, pq assim como quebrei a cara com algumas amizades no real, também encontrei pessoas maravilhosas, seja no mundo real ou virtual, mas o CORAÇÃO é o mesmo q pulsa...

    Mesmo q não vemos,
    mas SENTIMOS,
    tudo q vc escreve,
    e este é o mais importante.
    E saibas q eu gosto muito das coisas q vc escreve e d seus sentimentos.

    Beijinhos =*

    Kariny

  27. A.S. says:

    Minha querida, o teu texto tem realmente a virtude de nos acordar para a realidade! Deverá merecer de todos uma séria reflexão e tentar corresponder com equilibrio a todas as solicitações e algumas delicias que este mundo maravilhoso proporciona!...

    Felicito-te por teres a coragem de abordar este assunto de forma tão descomplexada!

    Beijos...

  28. Olá!!!

    reconhecimento... Essa é a palvra quando li esse post!
    Também entrei nessa de "brincadeirinha" mas agora, esse mundo se trnou fundamental pra mim... Assim como as pessoas que habitam nele e que me fazem uma pessoa melhor. Uma pessoa mais feliz!

    Parabéns iu?

    Ganhaste mais uma amiga!

    Beijo meu...

    Fabricante...

  29. neide says:

    Que bom que gostou...

    Querida, tem um Meme para você no meu blog, vai lá, ok?

    Bjssssss

  30. Oi minha Linda....há um tempo atrás, coloquei um post no meu blog que perguntava exatamente isso: quem é vc?
    ...............rs

    Sabe, as coisas acontecem. Nos deixemos levar por esse mundo LOUCO sim, da internet, mas que também tem suas lindas surpresas( apesar de alguns picaretas soltos apor aqui....rsrsrsrsrs) e sem tirar os pés da realidade e da nossa verdade podemos fazer amigos, contar com uma força, encontrar os mais diversos amores. Vc hoje, dá uma força a um amigo. Amanhã, poderá receber....
    deixemos que aconteça...é a vida!
    Sempre ela....rs
    Com carinho
    ...............Cris Animal


    P.S Certeza que depois dessa, seu amigo melhora....ow ow

  31. Não sei se por força da experiência na televisão, mas cosigo ser alguém para pessoas que não sei quem são e nem se existem de verdade, ou se são personagens de outras pessoas.
    Cadinho RoCo

  32. Hoje não tem lugar pra gracejos e piadinhas. Mas a cumplicidade se mantem viva, ainda que haja tantos fios, cabos e quilômetros de distância. Não trouxe respostas, na verdade, mais perguntas pra se somarem as suas. Será que na vida tida "real", nos relacionamentos cara a cara, olho por olho, também não haja muita ilusão? O que, na verdade, é concreto nessa vida doida que levamos? É, querida, são mesmo muitas perguntas e as respostas vêm vindo lentamente... ou nem isso. Bjs !!!

  33. Amigos? Amigos contamos em uma mão só e sobra dedo... Aqui conhecemos muitas pessoas queridas, interessantes que interagem conosco - êta coisa bem boa.

    Beijo

  34. tossan says:

    Puxa vida quanta gente boa na vida nossa de blogueiro, mas recebi 3 comentários anonimos que quase fizeram eu fechar o blog, depois pensei em vocês e cheguei a conclusão que não. Beijo

  35. Valeu pela visita!!!

    Agora falando do seu post. Sabe, é muito interessante a coisa do mundo virtual, vivi momentos bons, desde a época do MirC, boa amizades, amores, paixões. Agora, desde o Natal de 2008, quando entrei no mundo virtual dos blogs, é que estou passando novamente por essas emoções...as vezes é algo estranho, mas bom!!!

    Beijos e vou bisbilhotando por aqui.

  36. Este comentário foi removido pelo autor.
  37. Luciana says:

    Olha, se há algo além da curva, eu não sei, mas você disse uma verdade: acabamos por nos tornar dependentes desse mundo em que nos metemos aos poucos, e que de virtual, tem bem pouco, só o fato de não termos a pessoa ali ao lado, ao vivo e em cores...
    Também já fiz esses questionamentos e ainda não encontrei as respostas.
    Se eu achar, te respondo...

    Beijos!

    Lu

  38. Lara says:

    Eu lí o texto da sua filha.
    è, ela parece comigo sim. è que quando a gente é jovem a gente quer que tudo seja intenso.
    beijo

  39. Branca says:

    Na net conhecemos pessoas de todo o tipo, às vezes nos surpreendemos com aquelas que são tão diferentes de nós na vida real e descobrimos uma afinidade tamanha...aos poucos nossa rede de amigos vai crescendo, uns mais receptivos que outros, uns mais carinhosos, e assim vamos nos identificando mais com alguns, numa verdadeira sintonia virtual, porque mesmo não olhando nos olhos, através dos comentários, das postagens, percebemos alguma coisa da personalidade da pessoa.
    Até hoje só encontrei pessoas maravilhosas que certamente fariam parte do meu círculo de amizades.

    Bjo carinhoso!

  40. Como já comentei antes, vim apenas agradecer pela sua visita e desejar boa noite
    Beijos na alma!

  41. A muito que não vinha aqui e hoje me deparando com este blog li com atenção o que escreveu...as indagaçoes que fizeste..e as respostas a que tanto procura....antes mesmo de começar meu blog me achava perdido... um garoto que sempre me via refugiado...fazia as coisas que os outros fazaim...mais no entanto me sentia sempre vazio...um vazio que me preendchia todos os dias...um vazio completo de coisas e sentimentos que só achava passar dentro de mim...achava que todas essas perguntas e esses sentimento que tanto latejam dentro de mim fosse só minhas...ninguem mais os sentia...nenhuma mais pessoa sentia tal coisa tão forte... tão itensa que as vezes me deixa sem ar....mais me enganei....do mesmo modo que eu finjo me esconder para as pessoas não perceberem estes sentimentos encontro hoje milhoes de outras pessoas que tb o sentem...e colocam da mesma maneira que o que vai aqui dentro de mim..lendo seu blog de hoje fui me emocionando...por que realmente ao contrario de outros meios de sites de relacionamento que conhecemos...aos quais muitos são ao vivo...este aqui mexe em boa parte com as palavras...são atraves delas que conhec e por isso unicamente por isso nos envolve tanto..nos faz em alguns momentos viver o que o autor acabaou de escrever...são atraves dessas palavras que vemos o que jamais veriamos numa web...as vezes ate mesmo de frente a frente com a pessoas...pois aqui ela desnuda sua alma...e fico feliz...muito feliz...por que numa expressão facial a gente pode esconder muita coisa....mais nas palavras estas vinda do coração se pode dizer muita coisa......

    Muito obrigado pela visita no meu blog....

    de um grande amigo
    Ademerson Novais

  42. Oi moça. Obrigado pela visita e comentário, que bom que gostou do meu texto, valeu mesmo. =)

    Bjs.

  43. Antes vim para agradecer, e agora vim para... agradecer de novo.

    Ou melhor, comentar e agradecer por esse excelente texto. Adorei suas colocações, sua opinião, sua humildade e paixão pelo que é, pelo que faz e escreve. É muito bom poder ter um blog, escrever e receber o retorno de outras pessoas. Eu ficava numa empolgação enorme com meu blog, só que um tempo acabei dando um tempo, estou voltando agora, estava con saudade disso.

    Esse mundão virtual é estranho mesmo, confuso, misterioso, maior que o mundo real talvez, ou menor, talvez tão extenso, grande, quanto pequeno, restrito e confuso. O pior é saber que algumas pessoas vivem só aqui nele, e talvez essa "população" cresça mais. Mas saber o que escrever, o que mostrar é algo que nem ao menos, nem sempre sabemos explicar.

    Enfim, vamos conhecendo um pouquinho mais, ao mesmo tempo que vamos desconhecendo cada vez mais também.

    Adorei o texto. Voltarei aqui mais vezes.

    Valeu, beijo.

  44. Valha-me Deus! kkkk Excelente texto, faça fé, dona moça!

    Nem tudo está perdido, daqui da minha rede em jauá, olhando o mar, as estrelas, o céu, a lua (tá com inveja é? kkkk) comendo um acarajé (quer um pedaço, quer? kkkk) Penso, o que seria do mundo sem a net e no contexto a blogosfera? (eita nome que detesto! kkk)

    O problema não em si não é a net, o problema é que o homem usa sempre aquilo que vem para melhorar a qualidade de vida como um todo e ai divirtuamos sua boa finalidade para o mal, para os egos, para as incompreensões...

    Se por um lado isso aflora mais, temos o lado positivo, boa da net, que é esse espírito de solidariedade, de amizade, de companheirismo, de bondade que aflora infelizmente muito pouco.

    Olha você no seu magnífico texto dizendo que ele nasceu da solidariedade a uma pessoa que você conhece na net!

    Claro, tem razão! Muitos de nós ou quase na sua totalidade trazemos no bojo a solidão e as mazelas da vida, mas, pergunta-se se não tivesse a net, como seria?

    Pense... Quantos suícidos já foram evitados por alguém que padece de um mal qualquer ou mesmo da solidão e encontra aqui uma palavra amiga, um palavra de conforto que ao final o resultado é a desitência do intento impensado? São, muitos casos!

    O que devemos fazer é saber separar o jóio do trigo, isso, válido na nossa caminhada também, mas não, muitos (as) vão no canto da sereia ilusório e ai fia o coro come!

    Ai Deus! kkkkkkkk

    Você é 10000000000000000...

    bjs
    O Sibarita

  45. Alice.
    Estamos sós. Nascemos sós, morremos sós.
    Se temos sorte, conseguimos momentos de encontros que nos oferecem a confortante ilusão de companhia.
    Tenho feito amizades no mundo virtual, mas sou uma pessoa que precisa da concretude. Do olho no olho, do toque. Pelo menos uma vez.
    Mas esse sou eu. Há quem não precise.
    E, sendo eu quem sou, promovo encontros, que muitas vezes resultam em "encontros".
    Tenho sorte.
    O Arguta Café vem me dando grandes prazeres. Nenhuma dúvida.
    Foi através dele que conheci a Anne (anne-lifeliving@blogspot.com) de Pelotas, o Walmir (www.ocentauro@blogspot.com), o Jorge (www.jlemos@blogspot.com) e a Érica (www.erica-com-c@blogspot.com) de São Paulo, a Lúcia de Cuiabá, a Raquel de Cosmópolis, re-encontrei amigos como o Ernesto (www.assertiva.blog.br) e a Suzana (www.suzanagarcias@blogspot.com), entre outros que, gradativamente, tive o prazer de incorporar também à vida "real".
    Hoje, não fosse o trânsito, teríamos tomado um chopp com a Mariana (www.sintomadesaudade.blogspot.com)..
    Mas não desisto. Tentaremos outra vez com ela, com a Cris, com o Marcos, com a Tata e com outros que frequentam o Arguta e moram em Sampa e que torna tudo mais fácil.
    E, quem sabe, um dia, você também possa vir a São Paulo ou eu passe por aí.
    De qualquer forma, como disse, esse é o meu jeito de concretizar essas amizades virtuais.
    Há quem não precise.
    E o que posso te dizer das experiências que tive é que não me lembro de haver me decepcionado.
    Os blogueiros que nos presenteiam com generosos comentários são aquilo que parecem. Muito boa gente.
    Beijos.

  46. C. says:

    amiga, eu tb gostaria que fosse possível criar esse dispositivo no mundo virtual e no real!!!! Já pensou? Ia render milhões! Mas aí a lógica junto com a razão iam tomar conta do planeta e o lado emocional seria inutilizado (mais do que já é, em alguns casos). Como te disse, não vale a pena ´encucar`, e vc não combina com a paisagem de nuvens carregadas pairando sobre sua cabeça, combina mais com um dia lindo de primavera com flores coloridas.

  47. Avassaladora, claro que podes utilizar as pinturas pra ilustrar seus textos, isso torna ainda mais perfeita nossa inteiração.


    grande abraço.

  48. Oi moça.
    Muito obrigado por suas palavras. Obrigado pela força, por reforçar o que já sabia e que devo tentar reagir. Estou tentando, pode crer.
    Também estarei aqui, pode contar comigo.

    Bjão. =)

  49. Bom dia amiga Avassaladora.

    Certos sonhos deveriam permanecer sem o nosso despertar, pois acordar saindo de um sonho assim é de dar raiva.

    Deixo meu carinho e o desejo de um final de semana com muito esplendor para você.

    Beijos coloridos.

  50. rm says:

    Ei moça (Alice?),
    vim agradecer os simpáticos comentários que tem deixado no bloguinho dos venenos e o gesto, ainda mais simpático de se inscrever como "seguidora" daquele modesto espacinho.

    Sobre o tema, quase esgotado pelos muitos (e bons) comentários, nunca tive boa impressão. Mantive por um bom tempo quase um preconceito, pela crescente virtualidade das relações humanas. Mas confesso, ainda de maneira crítica, que tenho evoluído de posição...

    Fico com o comentário da Anne. Mas acrescento: toda amizade é virtual; o resto é imaginação...

  51. Olá amiga! Após a leitura de tantos comentários, já não me sobra quase nada para dizer, porém, vale salientar que nesse mundo já tive a felicidade de fazer alguns bons amigos, e hoje nos cumunicamos através de E-mail.
    Quero aproveitar a oportunidade para desejar que esse teu amigo, pelo qual, dizes amar de paixão, uma rápida recuperação e o faça retornar a esse mundo fantástico.

    Gostei do texto, muito contundente. Parabéns!

    Estive navegando, avistei tua nave, gostei e não resistí.

    Abraços,

    Furtado.

  52. Benno says:

    eu tenho muito menos comentários no meu blog, mas acho que eles são sempre valiosos, pois neste mundo dos blogs a ditância entre os corações é menor. claro que é sempre um risco tornar públicos nossos pensamentos e sentimentos, pois há gente de todo tipo, mas é muito valios encontrar uma leitura com a qual nos identificamos, poder descobrir que nem tudo está perdido e que ainda há espaço para o calor humano. beijos

  53. Moonlight says:

    Que engraçado...visitei seu blog pela primeira vez e me deparei com um texto sobre o que tantas vezes me questio-no.
    Revi-me um pouco nele-
    Mas tenho uma opinião formalizada(mais ou menos rss...)
    Aqui,encontramos pessoas boas e não tão boas.
    Aqui ,encontramos pessoas verdadeiras e falsas.
    Aqui,encontramos carinho e por vezes desilusão.
    E tantas coisas mais...mas será que é só aqui?
    Claro que não.Quantas vezes conhecemos as pessoas e elas nos desiludem e são tão falsas de sentimentos,na nossa vida real.
    E nesta virtual é da mesma maneira concerteza.
    Mas o certo é que sem conhecermos as pessoas que nos visitam e nos comentam,acreditamos na sua sinceridade e assim tem de ser porque não demonstram serem diferentes e enquanto isso não acontece há que acreditar que assim o é.
    Gostei do teu blog.
    E sinceramente,desejo voltar

    Bjs com luar

  54. Espero que o seu amigo esteja melhor...

    Mas sinceramente, se parar para pensar nisso, você não faz mas nada, o que importa é que como sentimos em relação aos outros (se somos verdadeiros com eles).

    Entendeu menina (se você é real com eles e não o contrario)?

    Fique com Deus, menina Avassaladora.
    Um abraço.

  55. Tetê says:

    olá,
    tenho pensado bastante nisto nestes últimos dias...
    nunca quero para o outro aquilo que não gostaria que me fosse feito,
    porque aprendi assim, ou porque entendi que assim é o caminho mais curto pra sofrer de menos (pq acho que o sofrimento é mesmo inevitável).
    às vezes preciso encarar o fato de que algumas coisas fugiram do controle,
    natural
    .
    outras vezes...
    isso, outras vezes, sair por aí
    ...
    belo encontro.
    abç
    .

  56. Há amizades intemporais, porém, outras há que ficam esquecidas no tempo!

    Que os verdadeiros amigos a acompanhem na caminhada!

    Beijos...


    (Novo post em EROTICAMENTE FALANDO!)

  57. neide says:

    É minha querida, essa sensação que achamos ser só na adolescência, esse "IMPÁCTO", nos pega quando adultos também... rsrsrs, estou nessa fase de novo, do deslumbramento, da paixão, e é tão bommm...

    Bjss linda, tenha um ótimo dia.

Novo Comentário