Terremotos...!

15 comentários
 
Tremores
Tudo treme
tudo balança
tudo se agita
A terra se abre
castelos desabam
Tentativa de sobreviver
Procuro espaços
procuro terra firme
procuro chão
Não vejo...!


05 de janeiro de 2009, às 22:50hs

15 Comentaram...

  1. Lendo esse terremoto, dessa forma, lembrei do início do seu blog, que o escrever também lembrava terremoto. Um remexer. Porém com outro sentido de desmoronamento.

    E me fez lembrar que passamos por terremotos, avalanches, guerras...cabe o reconstruir-se, como as grandes potências. Com a sua força e energia de viver.

    Lembre-se, você é Avassaladora.

  2. Olavo says:

    tremeu..mas não derrubou..só tremeu
    não deixe que isso aconteça..
    beijão

  3. O que procura levar de seu proveito num terremoto moça?
    Espero que apenas a felicidade!
    Beijos e feliz 2009!

  4. Oi lindona obrigada pela visita em meu blog... também gostei muito do seu e ja virei seguidora rs !!

    Mais muié que terremoto é esse ??
    Tomra que seje um terremoto que transborde em sua vida muita paz , saúde e amor

    bjskk

  5. Querida
    Sempre há buracos, portas,janelas, luzes, princípes, sapos, duendes,... no nosso caminho. Penso e tento, mesmo que achando difícil, sorrindo e chorando, seguir esse caminho da melhor forma possível.

    E pelo que tenho acompanhado tenho certeza que você é do tipo que cai, se levanta e segue, mais linda e forte. Tudo é aprendizado.

    abraços

  6. PreDatado says:

    Um terramoto é avassalaror!

  7. Na vida em geral passamos por muitos "terremotos",às vezes parece difícil se reerguer qnd ele passa,mas temos q lutar e ver q sempre há uma saida, é ser forte.

    bjs.

  8. Olá amiga!

    Vim aqui restrubuir seu carinho lá em meu blog e dizer que as portas sempre estarão abertas! Seja bem vinda!

    Além dos terremotos por causas naturais, existem os terremotos da nossa vida!

    Nossos tremores pessoais que abalam nosso lado sentimental, amores que nos fazem perder o chão abaixo de nós, vidas que desmoronam e o que procuramos nessas horas é apenas uma mão firme e amiga para nos apoiarmos.

    Gostei do seu blog, e possui um layout maravilhoso.

    Voltei sempre.

    Beijos.

  9. Terremotos... lhe desejo muitos... provocados por explosões de alegria, de felicidade!

  10. Oi moça!!

    Ah, quem nunca se sentiu assim: sem chão? E parece que tudo sai do lugar, os pés ficam em tremedeira sem fim. Vem o medo de cair, despencar, a voz fica um fio.

    Bonitos versos. Falam por todos nós!

    Foi um prazer!
    Um beijo;

  11. says:

    Me deu uma aflição!!!

    Heh!

    __________________

    estou acompanhando esse blog!


    Abraços!

  12. tossan says:

    É assim mesmo! Bonita poesia. Bj

  13. Pena says:

    Linda Amiga:
    Um poema fscinante e intenso, repleto de uma poderosa escrita admirável feito em forma de maravilhosa interioridade justa e comovente. O que vai em si.
    Adorei!
    É com um sorriso aberto que a leio. Possui uma capacidade de se dedicar aos outros extraordinária. Linda. Comovente. Digna e exemplar.
    Parabéns sinceros.
    Queria dizer-lhe umas "coisas" do meu "sentir":
    Olho à minha volta, num ápice de encanto. As moscas, essas, nem rastos. Foram-se e foram-se com as horas inexactas.
    “Sobrevoavam-me”. Como jactos de guerra, sem guerra marcada para aqui.
    Descarregam “Jardins” floridos...Nunca “bombas”.
    Nunca as entenderia, às bombas?
    Talvez, “Bombas Floridas” de imensos “Jardins” de Flores belas. Talvez...!
    Comportariam inequívoca Felicidade. As flores lindas. Puras.
    Embrenho-me na pacatez do que sou, onde as "moscas" incomodativas não existem. Tudo está pré-definido. Num bem-estar duradouro. Eterno. Doce. Imensamente Mágico.
    “Visto” uma melodia musical.Terna que me apraz. Sim! Em Felicidade, porque não?...


    Beijinhos amigos de respeito grandioso e incrível de estima enorme. Bem-Haja!
    Sempre a admirá-la e a estimá-la

    pena

    OBRIGADO sentido pelo seu sentir e pela sua preciosa amizade.
    OBRIGADO!

  14. Olavo says:

    Tem selinhos para vc lá no blog
    beijão

  15. Não se deixe derrubar!!!

    Beijos mil ****

Novo Comentário