Poema Inacabado...!

40 comentários
 
Poema Inacabado

Leticia Thompson

Você fica em minha vida
Como um poema inacabado
Como a Sinfonia
Beleza não finda
Porque soube ser começo
Mas não fim.

Você fica e eu sigo
Ou você segue e eu fico
Sempre desencontrados
Um buscando a estrada
O outro a direção.

E o fogo que arde aqui dentro
Magoa a mulher
Queimando a alma
Matando os desejos
Se apagando aos poucos.

Não acho poesia
Para terminar você!
Ai!... Como isso dói
De não saber
Construir um fim!
De não ficar
Que a metade de mim!

E você fica assim
Como reticências
No fim de um poema.

E eu, desiludida
Sigo a vida
Com esse amargo na boca
Por não saber ter tido
A rima final.



Autora: Leticia Thompson







PS: Há poemas que se bastam... Não há o que dizer... A música, para quem aprecia, é linda!

PS 2: Sócrates já sentenciava: Só sei que nada sei...

E hoje eu tenho que admitir que sei menos ainda...

40 Comentaram...

  1. Acordei e li esse poema lindo de saudade. Adorei a canção tb. Vc não sabe como me fez feliz. Bjus com carinho.

  2. *Angel* says:

    Divagando por este mundo virtual encontrei o seu blog com um post lindissimo. E permiti-me deixar -lhe uma marquinha! Espero que não se importe... Como você diz existem poemas que se bastam...

    Desejo-lhe uma boa semana.
    Até mais!
    Nayr

  3. A.S. says:

    Ava... Belo poema!

    Todos os poemas são inacabados!
    E se a vida não rima, porque haveria de rimar a poesia?!...


    Beijos...

  4. É...reticências, em alguns poemas uso esta metáfora...
    E tenho uma eterna mania de escrever assim, usando reticências.
    Muito bonita a forma como escreveu.
    Um abraço na alma...boa quarta para você

  5. rm says:

    1) Mas o poema parece muito bem acabado...

    2) Música apreciada, mas gosto mais da versão com o Paulinho Pedra Azul, seu autor.

    3) Saber menos que Sócrates não é de todo mal.

  6. Eu penso que se o poema está inacabado, é bom, pois ao certo o amor, se é que é amor, voltará pra terminar de escreve lo, muito gostoso e lindo seu post de hoje, trouxe me paz pro restante do dia...beijo na alma.

  7. EITA! kkkkk Trocou de roupa? Hummm, ficou nais porreta, mais jovial, mais sedutora, mais poderosa e mais, bom, mais...

    -Diga logo, mais o que?
    -Você é doida é? Digo não, quer me lenhar? kkkkkkkkk Fuii... kkkkkkkk

    Quanto ao poema da Letícia, traduz bem o fim de um romance me mágoas! kkkkkkkkkkk

    Tá, assim, é? Teja não, oi sorria, viu? A vida é porreta, tantos amores por ai solto à espera...

    -Oxente, você ta solto?
    -Qem, eu? kkkk Como sabe?
    -Ô lendo ai o que escreveu... rsrsr
    -Véi, deixe de onda! kkkkkkk
    -Onda? tô vendo é você falando em causa própria, né não? rsrsr
    -Xiiiiii... Meu Deus! kkk Vou me picar! klkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


    bjs
    ZéCorró

  8. Eu entendo. Entendo bem dentro da alma. Na carne. No pensamento. Na lembrança que não se apaga.


    abraços com carinho.

    O blog está lindo.

  9. Chorik says:

    Tá muito gostoso aqui Ava, tanta mudança, tudo muito bonito e de bom gosto. Aquela menção da metamorfose não era balela afinal. Bom que seja sempre para melhor. Bjs

  10. Blue says:

    Sabes sim Avassaladora amiga, sabes sim...
    E inacabada é a vida,
    pois a cada dia,
    escreve-se uma nova página!

    Beijos

  11. Olá minha linda amiga.
    A vida é feita de curvas mal acabadas.
    Ima gina um amor inacabado e com mágoas.
    Amiga seu poema é lindo e ao mesmo tempo sua alma chora as saudades de um fim, não definido.
    Uma semana de muita paz, luz e amor.
    Beijinhos doces, minha amiga Ava.
    ReginaCoeli.

  12. Tem selinho "Anjinho da Sorte" lá no blog esperando por vc.

    beijooo

  13. A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida ...

    Abraço.

  14. As reticências são como a lingerie feminina: sugerem mais do que mostram...
    :)
    A rima final não é obrigatória. Há poemas de verso branco que são poesia em movimento.

    Beijo.
    António

  15. Poemas inacabados, relações às quais não queremos dar um fim...é por isso que viver é perigoso, minha amiga. Mata!

    Beijos,

    ℓυηα

  16. rm says:

    Ah, que moça simpática!

    Talvez outros leitores discordem, eu acho que a postagem ficou ainda melhor com o novo vídeo escolhido...

  17. Andreia says:

    Lindo poema amiga!
    Adorei, beijinhosssss

  18. neide says:

    Ava minha linda!

    Que bom que gostou do "Eclipse" pequenino mas que diz tudo. Arrepia a pele, faz sonhar...

    Suas escolhas também são perfeitas e o vídeo... fechou com chave d ouro.

    Amiga,desejo um eclipse na sua vida, viu?

    Bjss

  19. Lindo este poema inacabado e linda a música do Paulinho Pedra Azul,que me enche de ótimas lembranças.

    Boa semana,Ava.
    Beijo.

  20. Bandys says:

    Ava,

    Bela escolha tanto a música como poema..

    Poemas, amores, vidas inacabadas...
    Assim é a vida.

    Beijos

  21. Tetê says:

    Avinha,

    o bom de nada se saber,
    é a sede de querer aprender
    e se nos encontramos dispostos à
    aprendizagem,
    o resto flui de forma maravilhosa.

    no momento oportuno, todas as respostas serão dadas.

    bjuuu de saudade!!!

  22. Monday says:

    sempre achei que inacabado era um estado típico de poemas, onde nem tudo são significados lógicos ou entendimentos perfeitos ...

    mas se não consegues acabar, que curta o que está diante de ti ...

    fins chegam quando está na hora de começar algo novo, geralmente ...

  23. Vivian says:

    ...este poema é lindo,
    e você mais ainda em postá-lo
    aqui para nosso deleite.

    post perfeito...

    um beijo, querida linda!

  24. Denise says:

    Nem vem viu moça
    TU SABE TUDO!
    esta tudo ai em vc e sae em forma de sensibilidade e caricia e na medida que é preciso.

    MEUS DEUSES que isso aqui ficou foi lindo.

    beijocas
    Denise

  25. Gleidston says:

    Uma escolha perfeita, este poema é lindo,e disseste bem, dispensa comentarios, e afinal o que sabemos? Eu...nada sei!

    Minha Ava, uma otima 5f pra você,

    beijocass!

  26. Um lindo dia pra voce meu anjo, beijos na alma.

  27. Ava: obrigada pelo carinho no meu Cotidiano.
    Abraços carinhosos.

  28. Francisco says:

    Minha amiga!
    Alguns sentimentos, dispensam rima final!
    Parabéns pelo layout. Cada vez melhor!
    Um beijão!

  29. Oi, Ava

    lindo demais tudo aqui.

    Parabéns!

    adoro estar aqui e compartilhar contigo suas emoções.


    beijos

  30. Olá Amiga

    Deixou-me baralhado com seu comentário, pois não conseguia
    identificá-la, devido à cosmética.
    Uma carinha mais larocas e pela
    redução do mome, parece ter ficado
    mais doce e menos avassaladora.
    Gostava de fazer uma cosmética
    ao coração, onde fez a sua.
    Foi só um pouquinho de humor.

    Agradeço imenso seu lindo comentário. O meu obrigado.
    Adorei sua linda casa, que me parece ser melhor ficar por cá,
    sem pedir licença.

    Um beijo

    Alvaro

  31. Verdade viu Ava, se a tampa for posta de forma amena, conciliando tirar e repôr seguindo os contextos, dá pra ser a tampa sim... Mas ainda prefiro ser a alça, rsrsrsr. Acho que ela dá maior segurança, é mais companheira. Enfim, bom mesmo é encontar alguém que realmente te dê um amor e que esse seja correspondido.

    BEIJOS

  32. Desnuda says:

    Um poema maravilhoso, um post sensacional! E como voce bem definiu, " Há poemas que se bastam". E com certeza, "falam" por todos nós. Este é um.


    Grande beijo, querida amiga!

  33. JOTA ® says:

    //**//

    Tem presente p'ra vc no meu cantinho. Procure.

    //**//

  34. Oi Ava!
    Achei lindo esse poema... Deu vontade de estar apaixonado.rs

    Grande beijo pra vc.

  35. Sandra says:

    Muito lindo o que escreveste.
    Sandra
    Realmente as vezes as músicas falam muito. até porque elas são puras poesias. O que fala o coração é escrito e cantado.
    com carinho.

  36. Andreia says:

    Oi Ava! Obrigada pela visita e palavras querida, adorei...
    Beijos doces...

  37. PQNA says:

    Esse poema toca fundo em meu peito pois são palavras que precisaria dizer mas não posso, e vc fez maravilhosamente bem...
    parabens

  38. Um poema inacabado como esse eu gostaria de...

    Beijo, Vassala!

  39. lindo, lindo, lindo! saudades viu! apareça! beijos e boa semana

  40. Parabéns pelo Blog!
    Ótimos poemas!
    Abraço!
    j.

Novo Comentário